Skip to content
Human Risk

Dia das Mães: data preocupa varejo e ameaça internautas

A data comemorativa costuma ser marcada por campanhas maliciosas elaboradas por cibercriminosos para lesar tanto as empresas quanto os consumidores finais; é crucial que ambas as partes estejam atentas às ameaças que surgem na web.

Dia das Mães: data preocupa varejo e ameaça internautas
Ramon de Souza

Ramon de Souza

(ISC)² Certified in Cybersecurity | Journalist | Author | Speaker

3 min de leitura 

Quem possui o mínimo conhecimento sobre crime cibernético está ciente de que os meliantes digitais adoram se aproveitar de datas comemorativas para impulsionar as suas atividades maliciosas — é o que alguns chamam de cibercrime sazonal. E, às vésperas do Dia das Mães 2024, tanto o varejo quanto os consumidores devem se atentar aos golpes, fraudes e ataques cibernéticos que se aproveitam de tal ocasião.

Vale lembrar que, neste ano, o Dia das Mães está marcado para 12 de maio. Ainda nos resta um tempo considerável até a comemoração e a troca de presentes, mas os atacantes já estão agindo. Em um dos casos mais emblemáticos, usuárias do TikTok alertaram para uma falsa promoção que estaria circulando pela rede social prometendo fraldas grátis personificando uma respeitada fabricante — tudo em troca de dados pessoais.

Em 2023, várias outras marcas de renome foram obrigadas a alertar sua clientela sobre fraudes similares, incluindo uma empresa do ramo de perfumaria e cosméticos. A estratégia costuma ser a mesma: mensagens são repassadas de forma particular contendo um link que direciona a vítima para uma página maliciosa, geralmente contendo um formulário que precisa ser preenchido para que o brinde imperdível seja desbloqueado.


O dia é das mães, mas a festa é dos criminosos

De acordo com uma recente pesquisa divulgada pela ClearSale, especializada em análise de transações digitais e prevenção de fraudes, o Brasil atingiu um recorde histórico no ano passado ao registrar R$ 3,5 bilhões em tentativas de compras fraudulentas. “O ticket médio das tentativas de fraude em 2023 foi duas vezes maior que o ticket médio dos pedidos legítimos”, acrescenta Sarah Zilenovski, diretora de Market Strategy na ClearSale.

Embora os números sejam assustadores, eles são relativamente menores em comparação com 2022. Há, porém, uma explicação que desanima: a redução se deve à retomada do comércio físico, que voltou a ter força após o período no qual era mais recomendado realizar compras online por contas das medidas de isolamento social impostas pela pandemia do vírus SARS-CoV-2.

E engana-se quem pensa que o Natal é o período com maior número de tentativas de fraudes; ele fica em último lugar, junto com o Dia das Crianças. O Dia das Mães fica justamente com a medalha de prata, ficando para trás apenas para campanhas comerciais com um apelo comercial ainda maior: Black Friday/Cyber Monday e Dia do Consumidor, quando a internet é inundada por lojas virtuais falsas.


Prepare-se e antecipe-se!

Para o varejo, é hora de se preparar para enfrentar ataques que afetem a disponibilidade de sistemas críticos durante este período de vendas volumosas (como manobras de negação distribuída de serviço), reforçar as medidas antifraude e monitorar o uso indevido da marca em campanhas maliciosas, alertando seus consumidores imediatamente caso identifique alguma ameaça circulando na web.

Aos internautas, é crucial se lembrar das boas práticas básicas de segurança digital — não clicar em links suspeitos (tome cuidado especialmente com os encurtados), pesquisar bem antes de fechar negócio em um e-commerce e desconfiar de ofertas que são boas demais para serem verdadeiras. Aqui, vale aquele velho ditado: “quando a esmola é demais, o santo desconfia”.

A conscientização do fator humano é uma medida que pode ajudar os dois lados da moeda. Um colaborador treinado para identificar ameaças no ambiente corporativo também não cairá em golpes em sua vida privada e vice-versa. Com a metodologia proprietária da Eskive, que conta com 14 anos de experiência no mercado, fica fácil manter um programa com alto nível de engajamento para educar e reduzir o risco humano.

Converse conosco e entenda como estamos ajudando o mercado a atravessar esse desafio!

 


 

Últimos artigos

Disrupções e prejuízos: os desafios cibernéticos das instalações industriais

Disrupções e prejuízos: os desafios cibernéticos das instalações industriais

Infraestruturas críticas, fábricas e especialmente linhas de montagem de grandes empresas do ramo automotivo estão se tornando alvos freque...

Dia dos Namorados: o amor está no ar e o cibercrime também!

Dia dos Namorados: o amor está no ar e o cibercrime também!

Assim como em outras datas comemorativas com alto apelo comercial, é preciso tomar cuidado com o aumento sazonal de crimes cibernéticos — e...

HIPAA e a proteção de dados médicos no Brasil: como ter a certificação?

HIPAA e a proteção de dados médicos no Brasil: como ter a certificação?

Considerada a maior regulamentação do mundo sobre informações de saúde, ela requer treinamentos específicos a respeito do setor para toda a...