Skip to content
Human Risk

Truques para engajar seus colaboradores nos treinamentos

De nada adianta fornecer um programa de conscientização em cibersegurança e não contar com um índice satisfatório de engajamento por parte de sua equipe. Confira algumas dicas para garantir uma maior interação.

Truques para engajar seus colaboradores nos treinamentos
Ramon de Souza

Ramon de Souza

Journalist | Author | Speaker | Information Security Specialist | ANPPD® Member |

3 min de leitura 

Em um cenário cada vez mais digitalizado, a segurança da informação se tornou uma prioridade para organizações de todos os tamanhos e setores. Com a crescente ameaça de ataques cibernéticos, é fundamental que as empresas invistam em programas de conscientização em segurança digital para proteger seus dados e sistemas.

No entanto, implementar esses programas de forma eficaz requer mais do que simplesmente fornecer treinamentos técnicos. É necessário engajar os colaboradores de forma significativa para que compreendam a importância da segurança cibernética e adotem comportamentos seguros no ambiente de trabalho.


A importância da conscientização em segurança

A conscientização em segurança digital é essencial para proteger as organizações contra uma variedade de ameaças, incluindo ataques de phishing, ransomware e roubo de dados. Muitos desses ataques exploram as vulnerabilidades humanas, como a falta de conhecimento sobre práticas seguras de navegação na internet e o descuido ao lidar com informações confidenciais.

Portanto, investir em treinamentos de conscientização em segurança não apenas fortalece a postura de segurança da empresa, mas também reduz o risco humano, uma parte crucial da cibersegurança conhecida como human risk management.


Algumas dicas para engajar os colaboradores

Ofereça uma comunicação clara e contínua — mantenha os colaboradores informados sobre as ameaças cibernéticas mais recentes e as melhores práticas de segurança. Utilize canais de comunicação interna, como e-mails, intranet e reuniões, para transmitir informações relevantes de forma clara e regular.

Também é importante apostar em treinamentos interativos que simulam situações reais de ataques cibernéticos, como phishing. Essas simulações permitem que os colaboradores experimentem na prática como identificar e responder a ameaças, tornando o aprendizado mais eficaz e envolvente.

Algumas empresas adotam um sistema de recompensa aos colaboradores que demonstrarem um bom entendimento das práticas de segurança ou que reportam atividades suspeitas, incentivando assim uma cultura de segurança proativa. Por outro lado, há corporações que partem para uma estratégia punitiva pelo baixo engajamento. Tal escolha depende puramente da cultura organizacional.


Mais sugestões…

  • Estudos de caso: compartilhe exemplos reais de incidentes de segurança e suas consequências para a empresa e seus colaboradores. Isso ajuda a contextualizar a importância da segurança cibernética;
  • Personalização: reconheça que diferentes colaboradores têm níveis variados de conhecimento e experiência em segurança cibernética, oferecendo treinamentos e materiais personalizados para atender às necessidades individuais;
  • Liderança: envolva os líderes e gestores da empresa no programa de conscientização em segurança, incentivando-os a serem exemplos de práticas seguras.


O mais importante: feedback!

Saber se você está fazendo um bom trabalho ou não é uma das formas mais eficazes de melhorar em alguma atividade. É difícil engajar-se em algo sem ter um retorno claro a respeito de seu desempenho. Por isso, é crucial fornecer feedbacks periódicos para cada colaborador que participa do programa de conscientização… O que pode ser um desafio, já que isso exige uma análise individualizada e manual de cada membro da equipe, certo?

Não com a Eskive! A plataforma pioneira em human risk management no Brasil destaca-se ao oferecer o Boletim Individual, um documento gerado automaticamente com base nas métricas de engajamento educacional e comportamento inadequado de cada colaborador, sendo enviado para seu e-mail ao final de cada ciclo educacional. Esses boletins detalham sua taxa de engajamento e facilita seu entendimento no progresso geral.

Converse com a nossa equipe e entenda como a Eskive é capaz de revolucionar os seus programas de conscientização em segurança digital!


 

Últimos artigos

Setor financeiro: cresce pressão por maior segurança cibernética

Setor financeiro: cresce pressão por maior segurança cibernética

Aumento no número de fraudes no setor bancário vem acompanhado de incidentes cibernéticos preocupantes e um “pente fino” aplicado pelo Banc...

Dia Mundial do Backup 2024: proteja as suas informações!

Dia Mundial do Backup 2024: proteja as suas informações!

Neste dia 31 de março, comemore a Páscoa, mas não se esqueça de criar cópias de segurança de suas informações! Saiba mais sobre a data e a ...

Eskive e FIEMG Lab: definindo o futuro da cibersegurança nas indústrias

Eskive e FIEMG Lab: definindo o futuro da cibersegurança nas indústrias

Pioneira em human risk reduction e programas de conscientização, nossa plataforma foi selecionada para participar do segundo ciclo da quint...